Arquivo

Archive for the ‘Música’ Category

Desenvolvendo a inteligência espacial

Continuando o assunto de plasticidade cerebral, agora venho tratar de um assunto interessante: música! Quem não gosta de ouvir música? E de tocar? Sabe tocar algum instrumento? Se não, trago aqui um bom motivo para começar.

É um bom exemplo de como o cérebro pode ser modelado, sem querer. A música, além de ajudar a liberar dopamina no nosso cérebro (http://bit.ly/efT9Me) pode ser mais uma grande aliada pra quem sabe tocar algum instrumento. Uma equipe de pesquisadores da Califórnia fez uma pesquisa com crianças de 3 anos. Metade delas assistiu a aulas de piano ou canto durante oito meses. Incrivelmente seus desempenhos em quebra-cabeças, testes de raciocínio espacial e desenhos de figuras geométricas foram 80% superiores aos das crianças que não assistiram a lições de música. Além disso, as crianças musicais tornaram-se gradualmente mais rápidas e mais precisas no raciocínio espacial ao longo do ano escolar e elevaram seu nível de inteligência espacial.

Isso sugere que, com a música sendo estruturada no tempo e no espaço, a sua prática fortalecerá os circuitos que ajudam o cérebro a pensar e a raciocinar no espaço e no tempo, o que é importante para a matemática, por exemplo. Se o efeito da prática prolongada durante a infância é permanente, a competência aperfeiçoada ajudará as crianças em complexos problemas de matemática e engenharia quando crescerem. Ainda de acordo com esse raciocínio, a música estimula padrões neurais em vastas regiões do córtex que são usadas também para o raciocínio espacial.

Deve ser por isso que agora as escolas estão oferendo aulas de musicalização para crianças. Demoraram para fazer isso, não acham? O que é importante também são as pessoas estimularem seus filhos ou familiares a frequentarem aulas de música desde criança.

Fonte: “O cérebro – um guia para o usuário” – John Ratey

Um abraço.

 

Se você gostou do que leu, compartilhe 😉

Uma dose de música para liberação de dopamina

Quem é vivo sempre aparece não é mesmo?  E o tema de hoje é bem divertido. Você gosta de música? Que tipo de música? Saiba que ela faz muito bem ao seu cérebro!

Bom, alguns estudos que já sabemos descrevem a liberação de dopamina do cérebro (ou o “hormônio da felicidade”) após o uso de algumas drogas, ou ingestão de certos alimentos. Tais eventos podem dar prazer o ser humano, mas…. nem só de drogas ou comidas vive o homem! Nós temos mais estímulos que são fonte de prazer, como artes e música.

Pesquisadores da universidade de McGill no Canadá estudaram o cérebro de voluntários enquanto ouviram seu estilo de música favorita; eles também analisaram batimento cardíaco, taxa de respiração, condutância elétrica da pele, temperatura periférica e amplitude do volume de sangue no pulso. Podem acreditar, esses caras descobriram que a condutância da pele aumenta, a temperatura do corpo diminui, diminui também a amplitude do volume de pulso sanguíneo, aumenta os batimentos cardíacos e aumenta a taxa de respiração.

Além disso, também ocorre liberação de dopamina no cérebro desses voluntários ao ouvirem as músicas favoritas! O nível de liberação da dopamina varia com a intensidade da emoção, que varia de acordo com o gosto para a música. Ou seja, quanto mais você gosta da música, mais dopamina você libera.

Então pessoal, ouvir a música que gostamos é motivo para ficarmos felizes, e agora temos explicação biológica pra isso.

A grosso modo então, será que não existe algum tipo de tratamento para alguma doença do sistema nervoso na qual o paciente é tratado com música? É isso que se chama musicoterapia? Será que as  pessoas que tocam algum instrumento musical são mais felizes? Vou estudar mais sobre o assunto, e quero postar sobre o tema mais vezes aqui.

Maiores referências aqui.

 

Se você gostou do que leu, compartilhe 😉

Categorias:Música Tags:, ,